domingo, 1 de junho de 2008

O Governo avestruz e Ferreira Leite


Manuela Ferreira Leite é a nova líder do PSD (foto da sic.pt)

Os problemas sociais - tema que assumiu.
A classe média e as pequenas e médias empresas mereceram o destaque no seu discurso de vitória no sábado.

A abordagem do Governo ao tema da desigualdade e do aperto em que está a classe média deram-se (e vão continuar a dar?) margem para o discurso de preocupação com as dificuldades que todos os que andam na rua e raciocinam um pouco detectam na vida da classe média.

Escrevi sobre isso aqui.

O Governo tem optado pela estratégia da avestruz, meter a cabeça na areia, recusando a existência de uma enorme pressão sobre a classe média e recusando ainda reconhecer que os portugueses em geral enfrentam hoje ainda mais problemas que há um ano.

O debate quinzenal foi, nesse contexto, lamentável. Ficámos-nos pela data de dados, como se isso fosse o mais importante. Sim, são de 2004, os mais recentes até mostram - depois de uma correcção pouco habitual por parte do INE que o Jornal de Negócios revelou - que a desigualdade diminuiu, medida entre pelo rácio entre os 20% que com maiores rendimentos e os 20% com menores rendimentos .

A afirmação do ministro da Agricultura, meio provocatória, de que não faltaria peixe em Portugal apesar da greve dos pescadores é outro exemplo e explica a agressividade a que assistimos no sábado, com a destruição de peixe já comprado.

O distanciamento da realidade é mortal para qualquer Governo. Relembre-se Cavaco Silva no seu segundo mandato com maioria absoluta.

O PSD tem aqui grande margem de manobra.


2 comentários:

miguel carvalho disse...

A nota do INE apenas corrige os dados de 2004, não fazendo qualquer referência a dados mais recentes. Seria bem vergonhoso que o INE viesse "contra-argumentar" com dados mais recentes.. mas não o fez.

Os dados do rácio dos rendimentos mais recentes já têm algumas semanas/meses, não tendo surgido agora.

Pedro Braz Teixeira disse...

A este propósito permito-me sugerir o artigo de Pedro Magalhães no Público (sem link), bem como os meus comentários ao mesmo:
http://pbteixeira.blogspot.com/2008/06/economia-e-o-voto.html