domingo, 17 de fevereiro de 2013

Lideranças que incluem, lideranças que excluem

Ainda a propósito do que escrevi aqui (só para assinantes) sobre quadro de valores de algumas das nossas lideranças e de como são também responsáveis pelo que todos somos como sociedade vale a pena ler:

* Dani Rodrik  The battle is renewed: state capitalism, mercantilism, and liberalism

Daron Acemoglu e Jim Robinson - Is State Capitalism Winning? no qual sublinho o nono parágrafo: A real dicotomia é entre instituições económicas que incluem [as pessoas] e as que extraem [das pessoas]:
"(...)At a deeper level, the real dichotomy is not between state capitalism and unfettered markets; it is between extractive and inclusive economic institutions. Extractive institutions create a non-level playing field, rents, and narrowly concentrated benefits for those with political power and connections. Inclusive institutions create a level playing field and give incentives and opportunities to the great mass of people(...)"


* E ainda do Der Spiegel: Alemanha: No país das boas pessoas de onde retiro:
"(...) Em 2010, o psicanalista italiano Sergio Benvenuto evocou o caso da Itália em Carta Internacional. Silvio Berlusconi, diz ele, faz política para os clientes de “cafés-bares”, este “império do politicamente incorreto”, onde reina a vulgaridade e se critica os políticos, a não ser que sejam “apolíticos” como Silvio Berlusconi. Sergio Benvenuto explicou portanto o segredo por trás da longevidade deste último.Não é para os fiéis clientes de cafés-bares que se faz política na Alemanha. O coração do país bate nos supermercados biológicos, onde as mulheres e os homens lutam por um mundo melhor ao comprar produtos biológicos. (...)"

3 comentários:

João de Sousa disse...

Creio que "O Banqueiro Anarquista", do FP, reúne no binómio Criador-Criatura, as duas condições. Além de tratar, a latere, também de impostos e de como se relacionar com eles. Uma opinião…
João de Sousa

Roethia Secunda Roetia Prima disse...

A sério e um mundo melhor em produtos biológicos é o quê?
Velhinhas sem próteses nas ancas, velhadas sem pacemakers?
Amendoins cheios de aflotoxinas em vez de pesticidas?
Cravagem no pão de centeio para alucinagenar comendo pão?
Num mundo melhor cheio de bosta de vaca chegou a crise da Escherichia coli nos rebentos de soja alemães que custou biliões de pepinos e tomates aos mediterranae....

Inclusivo Exclusivo?

é a liberdade de ser viegas en economy
num mundo com 7 mil milhões onde o trigo subiu 80% em menos de 8 anos e o carvão quase 200%
falar de economia inclusiva num jardim perto de si é voltar ao isolacionismo erguendo barreiras protectoras contra os bárbaros económicos?

Ou é distribuir moeda virtual sem valor real?
Lideranças que incluem o quê, porquê (ou para que fim) e como?

antologiadeideias disse...

Cara Helena,

A propósito de liderança: o que têm em comum os Sex Pistols, Margaret Thatcher e Vítor Gaspar?
O último post do Antologia dá uma Ideia: "A Benção da Única Alternativa"
http://antologiadeideias.wordpress.com/2013/03/12/a-bencao-da-unica-alternativa/

ESPERO QUE GOSTE.

Bem haja,

O Autor
Antologia e Ideias
blog: http://antologiadeideias.wordpress.com/
facebook: https://www.facebook.com/antologiadeideias.wordpress
e-mail: antologia.wordpress@gmail.com